NÃO SOMOS SUPER HERÓIS

23 dez

“Infelizmente muitas pessoas acham que os voluntários que lutam e protegem os animais tem algum tipo de poder especial, mas não temos.

Pessoas nos ligam para informar sobre um cão atropelado e temos a sensação que esta pessoa quer que saíamos voando de onde estamos para chegar imediatamente ao local.

Muitas ligações sobre atropelamentos são em tom de ameaça aos voluntários do que propriamente de alguém preocupado com a vida do animal. Ora! Nem os bombeiros que salvam PESSOAS podem voar, mas pelo menos eles tem viatura para resgate de PESSOAS, e esse é o trabalho deles.

Os voluntários da APANVI tem apenas seus carros particulares e salvar animais infelizmente não é o trabalho principal dos voluntários, quem dera pudesse ser, quem dera existisse reconhecimento da profissão de “PROTETOR DE ANIMAIS”.

Então tais pessoas ainda precisam evoluir muito e entender que nós os voluntários não conseguimos infelizmente atender a tudo e a todos. Nós não somos os culpados pelos cães soltos nas ruas. Quem está acompanhando o dia a dia de qualquer ONG de proteção vive o problema de perto, as pessoas querem que resolvamos até o barulho que o cão do vizinho faz.

Alguém tem uma cadela no cio dentro de seus quintal e se incomoda com os cães machos que param em seu portão, aí ficam ligando o dia inteiro para os voluntários irem recolher os cães porque estão “assustando” as pessoas que passam… Ora! será que temos que atender isso? Porque não cuidaram pra que a sua cadela não entrasse no cio? Me desculpem pelo desabafo, mas tem gente muito folgada e com falta de discernimento neste mundo”.

 

Agora nessa época de fim de ano os casos de abandono triplicam!

Por que? Irresponsabilidade das pessoas que resolvem viajar e simplesmente largam seus animais por aí… e aí chovem ligações, e-mails e pedidos de ajuda no face.

Me respondam por favor: COMO UMA ONG QUE TEM 3  CASAS DE PASSAGEM, NENHUM ABRIGO, POUQUÍSSIMOS VOLUNTÁRIOS VAI CONSEGUIR DAR CONTA DE TODOS ESTES PEDIDOS?

Isso mesmo, não vai. Estamos de mãos atadas!

Então cidadãos, nos ajudem… pedir ajuda é muito fácil… agora, segurar um cão ou gato por alguns dias até que seja adotado, ninguém quer, não tem espaço, não pode por que já tem um em casa…

 

Recebemos um pedido do Jornal A Coluna, que entre tantos é o que mais nos deixou com os corações apertados:

Leitores, colaboradores e Apanvi de Videira e Fraiburgo, neste sábado (21) ocorreu um incêndio em uma propriedade na cidade de Fraiburgo. A equipe do Jornal A Coluna registrou a tristeza desse animalzinho que possivelmente perdeu seus filhotes no momento do incêndio. Queremos pedir a ajuda para que a cadela possa ser resgatada e colocada para adoção. A equipe do Corpo de Bombeiros de Fraiburgo tentou encontrar os filhotes na parte debaixo da propriedade, mas nenhum animalzinho foi encontrado. Aparentemente a cadela estava amamentando. Podem entrar em contato através do facebook do Jornal.

 

Não sabemos se ela ainda está lá nem o que aconteceu com os filhotes… mas gostaríamos de solicitar a ajuda de alguém de Fraiburgo se possível para resgatar ela.

NÃO TEMOS VAGA!  e alguma coisa precisa ser feita!

Ajudem a divulgar por favor.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: